IV Seminário da Cátedra acontece na UERJ

O IV Seminário da Cátedra Sérgio Vieira de Mello acontecerá no dia 28 de Junho, terça-feira no 9º andar, no auditório 9 a partir das 9h da manhã .

Aprovação de leis com a participação da Uerj traz esperança de mais acolhimento a refugiados no Rio

As instituições de ensino superior do Rio de Janeiro poderão destinar vagas ociosas nos cursos de graduação e pós-graduação aos refugiados que moram no estado. A autorização está prevista na Lei 9.668/22, sancionada na última sexta-feira (6) pelo governador Cláudio Castro. Outra norma aprovada recentemente, a Lei 9.597/22, determina a elaboração de um relatório estatístico sobre as pessoas nessas condições. Ambas são fruto de trabalho conjunto de deputados estaduais com o Laboratório de Estudos de Imigração (Labimi) e a Cátedra Sérgio Vieira de Mello da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). As articulações reforçam a política da Universidade de romper muros e contribuir para a construção de uma sociedade mais justa e acolhedora. A partir dessas leis, será possível conhecer com mais precisão a comunidade fluminense de refugiados, implementar ações que melhorem as suas condições de vida e oferecer acolhimento efetivo por parte do estado.

Lançamento do livro Migrações forçadas, resistências e perspectivas

O evento aconteceu na UERJ e contou com a participação de um bom público, que pode acompanhar o lançamento presencial com segurança seguindo todos os protocolos de segurança. O livro é de autoria da Profª Drª Érica Sarmiento, coordenadora também do Laboratório de Estudos de Imigração.

Lançamento de livro sobre Imigração de Portugueses e Galegos no Rio de Janeiro

As duas coordenadoras do LABIMI, Lená Medeiros de Menezes e Érica Sarmiento, realizaram o lançamento do livro da Editora Ayran em conjunto de forma presencial no auditório do PPGH com boa presença e respeitando sempre os protocolos de Covid.

Refugiados poderão ter reserva de vagas em Universidades

Instituições de Ensino Superior do Estado do Rio podem ser autorizadas a destinar parte das vagas ociosas dos cursos de graduação e pós-graduação a refugiados que morem no estado. É o que propõe o Projeto de Lei 5.254/21, de autoria dos deputados Dani Monteiro (PSol) e Waldeck Carneiro (PSB), que a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou, nesta quarta-feira (06/04), em segunda discussão.

FONTE: Alerj (https://www.alerj.rj.gov.br/Visualizar/Noticia/52931?AspxAutoDetectCookieSupport=1)